Marapuama em Pó: Para Que Serve, Benefícios e Efeitos Colaterais

Atualizado em: 2019/02/20

Marapuama em Pó: Para Que Serve, Benefícios e Efeitos Colaterais
4.2 (84.71%) 17 votes

fernanda souza
Autora: Dra. Fernanda Souza
Phd em Nutrição

A Marapuama também é conhecida pelo nome científico Ptychopetalum Uncinatum, ou como Viagra da Amazônia, muiratã ou muirapuama. É uma planta nativa da floresta da Amazônia, muito utilizada pelos índios nativos da região.

marapuama
Na língua indígena Muira Puama significa Muira = madeira e Puama = potente.

Nome ComumMuira Puama ou Marapuama
Nome CientíficoPtychopetalum olacoides
Família BotânicaOlacaceae
RiscosNenhum conhecido
HabitatNativa da Floresta Amazônica
Onde EncontrarNorte da América do Sul - Brasil
Como ConsumirExtrato em pó, Cápsulas, Chá, Compressa ou Tópico

Essa planta é um arbusto e com 5 metros de altura no máximo e pode ser encontrada na natureza na forma de cascas picadas e de folhas frescas. Além de ser encontrada também em lojas de produtos naturais ou em farmácias de manipulação na forma em pó ou cápsulas.

Muirapuama é uma erva medicinal muito conhecida por seus efeitos estimulantes e afrodisíacos e sua exportação se dá para diversos países. Em termos de medicina alternativa, podemos encontrar muitas plantas um tanto desconhecidas, na maioria das vezes, porém de eficiência enorme, como é a Marapuama.

Para que serve

Historicamente suas raízes e suas cascas foram usadas de forma medicinal pelos indígenas na Amazônia e sua raiz servia para tratar problemas de paralisia causada por poliomielite nesses povos.

Os nativos ao longo do Rio Negro da Amazônia Brasileira usam os caules e as raízes da Muirapuama como um tônico para tratar os problemas neuromusculares.

Na Medicina Botânica Brasileira, Marapuama é conhecida como um estimulante sexual natural e conceituada como um poderoso afrodisíaco. Está na Farmacopeia Brasileira desde a década de 1950.

A erva aumenta o fluxo do sangue na região pélvica de homens e mulheres atuando como um estimulante da libido sexual. Ajudando a prolongar as ereções em homens, assim como a sensação de prazer e o orgasmo nas mulheres.

Marapuama tem ganhado popularidade nos Estados Unidos, onde os profissionais de saúde estão receitando o uso da erva para: depressão; impotência; cãibras menstruais e TPM; dor nervosa e distúrbios do sistema nervoso central. Na Europa essa planta é muito utilizada para tratar casos de disenteria.

Além disso, a Marapuama serve para:

  • melhorar a circulação do sangue;
  • fortalecer a saúde do coração;
  • tratar a anemia;
  • disfunção erétil;
  • aumentar a libido;
  • combater a fadiga e o estresse;
  • melhorando a memória
  • aliviar problemas estomacais, incluindo diarreia e disenteria;
  • tratamento da depressão;
  • fraqueza, gripe, vermes, inchaço, celulite,
  • prevenir a queda de cabelo.
  • tratar o reumatismo crônico (aplicada com tópico) e paralisias parciais.

Benefícios da Marapuama

Um dos seus principais benefícios seria a da melhora dos aspectos físicos e psicológicos e da libido. Inclusive, existem alguns estudos que relatam que a marapuama, pode aumentar consideravelmente os níveis de testosterona do corpo e efeitos ligados à sexualidade.

Também podemos citar aqui como benefício como excelente tônico neuromuscular e é muito importante sua atuação contra a debilidade, a fraqueza, perda de memória, fadiga e mal estar e na eficácia contra a depressão e pessoas estressadas.

Ainda podemos citar como benefício a sua atuação na queda de cabelo, beribéri (doença causada pela falta de vitamina B) e outras disfunções. Caso ela seja utilizada como extrato pode ajudar no combate da celulite e da artrose.

Propriedades

A casca de Muira Puama é rica em fitoquímicos, esteróis vegetais, ácidos graxos e óleos essenciais, triterpenos, cumarina, e um tipo de alcaloide, muirapuamina.

Graças a estes princípios ativos, possui propriedades analgésicas, antiulcerosas, além de diminuir o colesterol (efeito hipocolesterolémico).

Efeitos Colaterais

  1. Apesar de todos os benefícios citados acima, as chances dessa planta apresentar efeitos colaterais são pequenas por ela ser um remédio natural.
  2. Em raros casos, devido ao uso em excesso, consumo desenfreado e inadequado alguns efeitos colaterais podem surgir, tais como: insônia, tremor na mão e palpitações.
  3. A Marapuama não é um medicamento, porém o ideal é que sua utilização seja feita com a orientação de profissional de saúde.

Contraindicações

Devido à falta de estudos seguros, devem evitar o uso da Muirapuama:

  1. Mulheres grávidas ou que amamentam, as crianças e idosos;
  2. Pessoas com problemas de pressão arterial e do coração;
  3. Pessoas que possuem alguma alergia aos componentes da planta.

Como Usar

São muitas as maneiras de se usar essa erva e entre elas podemos citar na forma de compressa, tópico local, infusão de chá, em cápsulas ou como a planta em pó.

Na forma de compressa ou tópico, ela é aplicada na região em que está afetada pela má circulação sanguínea.

A Marapuama em pó in natura deve ser tomada em uma colher das de chá, que são cerca de 5g, em um copo com água e por três vezes ao dia.

Em combinação com outras ervas, como a Maca, Muira Puama é usada como um remédio natural para disfunções sexuais. Além disso, tal como comprava um estudo, as mulheres também podem experimentar um aumento da libido.

A dose oral recomendada de Muira Puama está compreendida entre 1000-1500 mg de um extrato em pó concentrado de 4:1.

2 comentários em “Marapuama em Pó: Para Que Serve, Benefícios e Efeitos Colaterais”

Deixe um comentário